Livro: O casal que mora ao lado

By Blog Diário Galáctico - novembro 23, 2018


Livro: O casal que mora ao lado
Autora: Shari Lapena
Gênero: Thriller/ Suspense
Editora: Record

Oi, pessoal,

Mais uma resenha para o blog, espero que gostem!❤

O livro conta a história do sequestro da bebê Cora enquanto seus pais Marco e Anne comemoravam o aniversário de Graham, marido da bela Cynthia na casa ao lado. Como Cynthia não suporta choro de criança, pediu ao casal que não levasse a filha para a festinha.

Devido a morte da avó da babá, a mesma não pôde comparecer para tomar conta de Cora, mas Marco não viu problema em deixar a bebê sozinha, uma vez que poderiam sair correndo para a casa, que é ao lado, caso a babá eletrônica anunciasse o choro da bebê.

O casal se revezava para ver a filha de meia em meia hora e o último a vê-la foi Marco, mas quando voltaram, Cora já havia sido sequestrada. A introdução da história começa com o sequestro e em seguida explica um pouco sobre o passado do casal e as dificuldades financeiras que Marco estava enfrentando. Para completar, os pais de Anne não suportavam Marco devido ao fato dele não ser rico e por Anne ter saído de casa para se casar com ele.

Marco e Anne aparentemente são um casal normal, mas Anne sofre de um tipo de doença psicológica, onde simplesmente a memória se esvai quando colocada em situações estressantes, fato que a fez muitas vezes se perguntar se ela mesma teria sido a assassina de Cora.

A leitura passa a ganhar um sentido policial quando acompanhamos as investigações do detetive Rasbach e um ponto positivo é que temos um contato direto com os personagens e vamos entendendo como tudo se desenrola.

Eu achei a trama interessante apesar de também achar confusa a composição do texto em determinados momentos. Até a metade do livro a estória parecia não se desenrolar, mas a autora teve uma boa sacada e alterou a visão do leitor desvendando o (a) sequestrador (a) um pouco depois da metade do livro, fazendo com que o interesse da leitura focasse não mais em quem sequestrou, mas sim em como tudo aconteceu.

No todo o livro é legal, mas não é extraordinário. E achei o final desnecessário,  não sei qual foi o objetivo, se era para ter um gancho para um próximo livro ou se foi para nos deixar what a fuck, mas ficou uma situação no ar, como quem quisesse ter gancho para um próximo livro, o que sinceramente achei muito clichê.

Bjus,

Nath, com th!


  • Share:

You Might Also Like

1 comentários

  1. Curti o enredo, mas acho que essas considerações sobre a escrita não muito clara e o início arrastado da trama pensariam bastante na minha avaliação. Sua resenha está ótima!

    ResponderExcluir

Recent Posts